Tag Archives: literatura

Uma Resenha de Cinco Livros Imperdíveis

  Para aqueles que gostam de uma boa leitura, ou para aqueles que querem começar a ler e fazem questão de começar por um excelente livro, trago essas resenhas, e recomendo que leiam os livros   Somerset Maugham começou a escrever Servidão Humana aos 37 anos como uma espécie de catarse para as suas múltiplas angústias e traumas. O romance, ...

Leia Mais »

Como Usar a Vírgula

Veja esta frase: João Maria Ricardo Pedro e Augusto foram almoçar. Note que os nomes das pessoas poderiam ser separados em uma lista: Foram almoçar: • João • Maria • Ricardo • Pedro • Augusto Isso significa que devem ser separados por vírgula na frase original: João, Maria, Ricardo, Pedro e Augusto foram almoçar. Note que antes de “e Augusto” ...

Leia Mais »

O Escravo – Uma História do Livro O Baú das Histórias Inusitadas

    O ESCRAVO   Primeiro foi o torpor que lhe invadiu, seguido da sensação de que o corpo se partia em mil pedaços. Em seguida, podia jurar pelos seus deuses africanos ou pelos santos dos brancos, que voara e voara, até que despencou ali. E ali, só podia ser um mau sonho. Morto não estava, pois sentiu a dor ...

Leia Mais »

Vermelho 27 – Um Conto do Livro “O Baú das Histórias Inusitadas”

Esta história é baseada na música (tango) de David Nasser e Herivelto Martins, e cantada por Nelson Gonçalves   VERMELHO 27   À sua passagem os cães ladraram fortemente, mas nem a insistência dos latidos perturbou aquele homem de uma esqualidez quase cadavérica, que nem o terno surrado enfeitado por um arremedo de gravata conseguia esconder. A face sugada e ...

Leia Mais »

BOLAS E RODAS

Por Gil DePaula Esta é mais uma história do “Projeto Universo do Homem Negro”. Agradeço aos amigos que enviaram seus comentários sobre a primeira história e, às novas avaliações, que eventualmente sejam enviadas.   Abraços, pulos, socos no ar, dancinhas, era apenas a extravasão daquele momento único, e cada um o fazia do seu jeito. O que eu sentia, naqueles ...

Leia Mais »

Alma Profana

Por Gil DePaula     Não conhecerá mais sua boca A vergonha do beijo que lhe dei De apetite sensual espesso De amor pungente Lábios que sonhei inocentes Rubros de outros beijos Com permissão profanados Agora cerrados estão os meus Cingida estarás ao nó de outro abraço Da alma gêmea igualmente conspurcada Saboreará a volúpia desleal Tal qual profanaste, serás ...

Leia Mais »

Feliz Natal – Um Conto do Livro “O Baú das Histórias Inusitadas”

  FELIZ NATAL   Era uma vez um barraco de madeira tão pobre quanto os milhares de outros espalhados pela cidade-satélite de Taguatinga, ocupado pela minha família, uma família de rotos. Nasci em Monte Gordo na Bahia, bem como meus pais, minha irmã e meu irmão que nasceram antes de mim. Os dois mais novos deram sorte, foram paridos num ...

Leia Mais »

Viagem Pelo Livro

   

Leia Mais »

O Capitão – Uma História do Livro “O Baú das Histórias Inusitadas”

  O Capitão   O estado de letargia era quase completo. E quase por quê? Porque sonhava com os avós Heike e Fredrick Gerhardt lhe contando sobre a marcha triunfante dos americanos na Alemanha derrotada e a partilha com os russos da pátria dileta, mas corrompida. Falavam dos prédios e ruas destroçados pelos bombardeios, e do cheiro de pólvora e ...

Leia Mais »

Um Poema na Vida

Gil DePaula   Eu queria um poema na vida Que permitisse esquecer os desencantos Que seus versos rimados afagassem a alma E que mesmo sem rima, fosse um acalanto Eu queria um poema na vida Que falasse de grandes amores vividos De conquistas prodigiosas E das paixões perdidas Eu queria um poema na vida Que a utopia da igualdade fosse ...

Leia Mais »