Últimas do blog

Meus Textos e Crônicas

Pais e Filhos – Um Conto do Livro “O Baú das Histórias inusitadas” (baseado na música homônima de Renato Russo)

PAIS E FILHOS   As paredes pintadas de cores diferentes, as duas dezenas de bonecas lembrando estátuas de louça. O edredom, os lençóis e as fronhas brancas bordadas em dourado com as letras JD, contrastavam com a imagem que melhor descreve a cena, quando olhada do alto da janela daquele quarto, no quinto andar, para baixo. No asfalto, jazia o ...

Leia Mais »

Histórias da Polícia de Brasília – O Delegado Corajoso

Adaptação Por Gil DePaula O delegado Carleto (nome fictício) era chefe de uma equipe de plantão, de uma das delegacias do Distrito Federal. Ainda moço, eloquente, possuía como principal característica a simpatia. A postura dele, era a de sempre se mostrar valente e destemido. Entretanto, até uma determinada ocasião – que relatarei agora – nunca sua coragem havia sido colocada ...

Leia Mais »

Após a Tempestade

Por Gil DePaula Assim que o tempo passar E os corações se acalmarem Deixando para trás, o abismo coletivo Com a alma em luto, nos sentiremos afortunados Pela oportunidade de continuarmos vivendo Apesar de todo o nosso acovardamento Seremos capazes, então, de amar Abraçar o desconhecido e perdoar o inimigo E enxergaremos a sorte de ter pelo menos um amigo ...

Leia Mais »

Crônica da Família: Minha Irmã e o Papagaio

Dedicado a minha irmã Mary, por Gil DePaula Nossa família, além dos nossos pais, era composta por cinco irmãos. Em um belo dia de sábado, de sol forte e poucas nuvens no céu recebemos alguns visitantes já esperados trazidos por uma parente do meu pai: uma velha senhora bastante rabugenta e um papagaio que lhe pertencia, que, conforme combinado, passaríamos ...

Leia Mais »

Crônica: O Pernilongo Que Não Estava de Quarentena

Por Gil DePaula Estou em casa, de quarentena imposta pelo governo de Brasília, há exatamente 15 dias. Para ocupar meu tempo, tomei a decisão que esses seriam dias produtivos. Primeiramente, me determinei, a executar tarefas de cunho intelectuais, tais quais: a leitura e o estudo, combinado com exercícios físicos para manter a forma. Entretanto, ontem, dia 02 de abril, ao ...

Leia Mais »

Resposta ao Texto “Esse País Está Muito Chato”

Por Gil DePaula Na última semana, recebi de vários amigos, um texto intitulado “Esse país está muito chato”. A pessoa que o escreve começa dizendo que ao longo dos seus 62 anos, viu uma negra ser âncora de um programa televisivo e um negro fazer parte de uma trupe de humoristas pioneiros na televisão, e mais tarde, outro negro fazer ...

Leia Mais »

A Caixa de Pandora

Por Gil DePaula Texto originalmente publicado em 2010, no Jornal Guará Hoje. Conta-nos a mitologia grega que Zeus, rei dos deuses, sentindo-se enganado por Prometeu (um dos Titãs e criador da humanidade) resolveu tirar o fogo dos homens que era responsável pela inteligência para construir moradas, defesas e a criação das leis para a vida comum. Prometeu, então revoltado, entrou ...

Leia Mais »

Ensaio Sobre a Alienação

Por Gil DePaula De forma genérica, podemos definir a alienação, como a incapacidade do indivíduo de pensar por si mesmo, fugindo das armadilhas que lhe foram impostas, e que o colocam em uma caixa, de onde não consegue sair e enxergar as diversas variáveis externas e complementares, que o levaria a evolução do seu pensamento, fazendo-o, enxergar o mundo, sobre ...

Leia Mais »

Veja você Brasil… Ou veja você Brasília

Versos que escrevi em 1982, quando fazia parte do Diretório Acadêmico da Católica de Brasília, prestes à abertura politica E do nada se fez o sonho E do nada se fez o cerrado E do sonho se fez a vontade E do cerrado se fez a poeira E da vontade se fez a realidade E da poeira se fez a ...

Leia Mais »

Sobre a Comédia e os Seis Melhores Programas Brasileiros de Humor

Por Gil DePaula Sempre fui um admirador dos programas humorísticos brasileiros, e por consequência da comédia. Entretanto, sou um apreciador do humor sutil, daquele que faz uso das piadas ‘inocentes”, como foi o caso da maioria dos programas produzidos no Brasil. O teatro, sempre se atreveu a ir além desse humor que eu admiro. Seja com temas mais inteligentes, ou ...

Leia Mais »