Últimas do blog

Alexandre de Moraes, O Rei Sol

Por Gil DePaula

alexandre-de-moraes Alexandre de Moraes, O Rei Sol

Desde os primórdios da humanidade sabemos que o poder embriaga, corrompe e é corrompido. A história nos mostra que, principalmente, o poder absoluto, sem contestações, somente trouxe desgraça aos povos que viveram sob a sua batuta. Inúmeros são os exemplos: Mao Tsé-Tung, Stalin, Hitler, Mussolini, Fidel Castro, Maduro, Ortega e, infelizmente, muitos outros.

O maior exemplo de rei absolutista foi Luís XIV, acunhado de Rei Sol, pois sua grandeza somente poderia ser comparada ao Astro-rei do nosso planeta (apesar de ter ganho o codinome ainda criança).

A politica brasileira, em suas peculiaridades, consegue, volta e meia, produzir algumas aberrações históricas. A mais significativa produzida neste início de século, tem CPF, fizeram dele um ministro da nossa maior corte e atende pelo nome de Alexandre de Moraes, até então, um advogado de pouca relevância, que graças ao ex-presidente Temer foi catapultado ao STF.

As atitudes e decisões atuais de Alexandre de Moraes, somente tem comparativo, com os reinados absolutistas e autoritários. Entretanto, algumas dúvidas permanecem em mim e na grande maioria dos brasileiros. Entre elas, é se as atitudes do poderoso ministro advêm por ele estar embriagado pelo poder, e como o pau-d’água que já encheu a cara, não vê limites para os seus atos. Ou ainda, se o interesse dele é produzir uma ruptura institucional no Brasil, pois suas ações apontam claramente nesse sentido.

Alexandre de Moraes, em sua senha absolutista, não tem respeito nem aos seus pares. Decisões monocráticas são comuns a ele, o que trouxe incomodo a algum dos seus colegas de toga. A nossa constituição, para ele, é apenas mais um livro de fábulas, que nos conta mentiras fantasiosas, porque a verdade é um privilégio incrustrada em sua careca vistosa e brilhante (vide as Fake News).

Na realidade, o “Ministro Sol”, conseguiu calar até os políticos mais prolixos do nosso congresso, que covardemente se escondem e fingem que não é com eles, outorgando e chancelando, a cada momento, o absolutismo do pupilo de Michel Temer.

Nos próximos capítulos – em algum momento – teremos uma queda de braço, entre Alexandre e Lula. Afirmo isto, tendo em vista, que a esquerda não vai querer se submeter aos caprichos do Xandão. Ou será, que atingido o objetivo de defenestrar Bolsonaro do poder, Moraes respeitará, finalmente, a constituição?

Luís XIV, construiu palácios, jardins suntuosos, incentivou as artes, criou uma marinha mercante, fez estradas, fábricas, pontes, etc.

Entretanto, o Rei-Sol brasileiro, demonstra que o seu legado, será o da perseguição e o da revanche. E do desrespeito a constituição.

Todavia, o que esperar de homens pequenos… a não ser miudezas?

 

Livros de Gil DePaula -- www.clubedeautores.com.br

Livros de Gil DePaula -- www.clubedeautores.com.br

Livros-Gil-DePaula Alexandre de Moraes, O Rei Sol

BHI-texto Alexandre de Moraes, O Rei Sol

5 Comentários

  1. Muito vem Hil!

  2. Boa noite meu amigo,
    Acho que a vaidade do cabeça de ovo, não permitirá que ele se coloque em seu lugar, afinal se sente o rei sol e o todo poderoso. Irá fazer de tudo para brilhar e devolver o NINE para a sarjeta , que é o seu lugar.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios *

*

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: